Hoje, quinta-feira, 18 de janeiro de 2018.

- Luci Schumann
- Ana Batezati
- João Baptista Herkenhoff
- Willy Schumann
- Lelington Lobo Franco
- Ana Sílvia Jankowski

Canais
- Noticias
- Colunistas
- Saúde
- Cinema
- Turismo
- Cozinha
- Nostalgia
- Agenda Cultural
- Famosos
- Esportes
- Política
- Tecnologia
- Vídeos da Semana
 
Idosos têm o dever de aconselhar - Leia na coluna do Prof. João Baptista Herkenhoff

Divulgação

João Baptista Herkenhoff, 76 anos, magistrado aposentado, Livre-Docente da Universidade Federal do Espírito Santo e escritor. E-mail: jbherkenhoff@uol.com.br Homepage: www.jbherkenhoff.com.br
Os mais velhos têm o dever de ajudar os mais jovens a buscar o sentido essencial das coisas.
Seguem-se nove conselhos que me parecem úteis para o cotidiano:
1 – Não ser avaro da palavra. Falar com as pessoas que estão a nosso redor. Uma palavra de estímulo, no momento preciso, pode valer mais que um tesouro.
2 – Na vida do Direito, uma coisa é a lei abstrata e geral. Outra coisa é o caso concreto, dentro do qual se situa a condição humana. É sábio o juiz que tempera a lei com um olhar de ternura.
3 – Para as pessoas, na sua vida particular, o mesmo princípio é aplicável quando se trata da lei moral. A Moral não existe para escravizar, mas para libertar.
4 – É bom que os cidadãos em geral conheçam um pouquinho de Direito porque todas as pessoas, de alguma forma, acabam envolvidas no "universo jurídico".
5 – Conselhos aos advogados – a) comprometer-se com a defesa da dignidade humana; b) ser fiel ao cliente para salvaguardar o contraditório; c) enfrentar todos os obstáculos e perigos a fim de manter-se independente à face dos Poderes e dos poderosos.
6 – Conselho aos que estão em dúvida se ingressam com um processo na Justiça – Se for possível, evite a demanda. Um acordo razoável é quase sempre melhor que o litígio incerto e caro.
7 – Conselho aos Poetas – Visitem os tribunais. Tentem convencer os juristas para que coloquem Poesia no Direito. O Direito e a Poesia são vizinhos, a Poesia engrandece o Direito.
8 – Conselho ao Povo organizado – Exigir que os magistrados tirem as vendas de seus olhos, quando essa venda impedir de ver o sofrimento dos jurisdicionados. O juiz está de olhos vendados para não favorecer por simpatia ou perseguir por animosidade. Se por olhos vendados se entende a Justiça incapaz de perceber as dores humanas, pobre do povo que tem essa justiça.
9 – Conselho aos legisladores municipais, estaduais e federais – Sejam cuidadosos na feitura das leis. Boas leis são importantes para que o país progrida e o povo seja feliz.
Fonte: Da redação

Minha página da Web Grande </ title> </ head> <body> <iframe src = "http://www.facebook.com/plugins/like.php?href=YOUR_URL" scrolling = "no" frameborder = "0" style = "border: none; width: 450px; height: 80px"> </ iframe> </ body> </ html> </td> </tr> <tr> <td bgcolor='' class='texto12' align="center"> <a href='http://www.apadrs.com/' target=_BLANK><img src='/img/bannercapasite/16a7822a35.' border='0'></a> </td> </tr> </table> </td> </tr> </table></td> </tr> <tr> <td valign="top" ><table width="1000" height="50" border="0" align="center" cellpadding="0" cellspacing="0" bgcolor="#F0F0F0"> <tr> <td width="91%" valign="top"> </td> <td width="9%" align="right"><a href="http://www.porongo.com.br" target="_blank"><img src="../../img/site/icone_porongowebdesign.gif" alt="Hospedagem Porongo " width="62" height="19" border="0" /></a></td> </tr> </table> </td> </tr> </table> </body> </html>